+CampeonatosNotíciasNotícias QS6000 - QS10000Qualifying SeriesSurfistasSurfistas Brasileiros no CT - Masculino

WQS 10.000 Vans World Cup – brasileiros avançam para o round 3

segundo dia de competição

Hoje no WQS 10.000 Vans World Cup em Sunset Beach, Oahu, Hawaii, alguns de nossos brasileiros avançaram para o round 3.

Esta é a segunda jóia da coroa havaiana, se você quiser saber como foi a primeira etapa em Haleiiwa clique aqui.

Alejo Muniz

WQS 10.000 Vans World Cup – brasileiros avançam para o round 3

Com altas ondas em Sunset Beach, Oahu, Hawaii, começou o segundo dia do Vans World Cup e alguns de nossos brasileiros avançaram para o round 03, onde temos outros brasileiros na disputa como cabeças de chave.

O primeiro brasileiro a se apresentar hoje foi Ian Gouveia, na bateria 5, ele dominou a bateria desde o início, fez grandes curvas e excelentes ataques no lip da onda, para avançar na primeira colocação com uma das maiores somatórias do dia, em sua melhor onda conseguiu fazer algumas rasgadas e um ataque direto na junção.

Parafina FuWax

Post de Ian Gouveia após avançar a bateria:

Thiago Camarão se apresentou na bateria 9, fez uma boa somatória de pontos, grandes manobras, mas não o suficiente para avançar, com certeza foi a bateria que teve a maior disputa do dia e as maiores pontuações, com a pontuação de Thiago que ficou em 4º lugar na bateria, ele teria passado varias baterias durante o dia.

A bateria 10 foi uma grande disputa, desde o início, onde peruano Alonso Correa dominou a bateria desde o início, nosso brasileiro Tomas Hermes e o havaiano Tyler Newton cravaram uma grande batalha pela segunda colocação, até a última onda, ambos conseguiram ondas boas de rasgadas e batidas, quem acabou vencendo foi o havaiano virando na última onda, assim eliminando Tomas da disputa.

A bateria de número 11 contou com a disputa entre 2 brasileiros, Samuel Pupo e Alejo Muniz brigaram pela segunda colocação da bateria, ambos mandaram fortes manobras e por uma pequena diferença de 0.20, Alejo avançou a bateria, assim eliminando Samuel. Lembrando que Samuel Pupo é o atual 12º colocado do ranking QS e agora depende de muitos fatores para conseguir a vaga para o CT 2020.

A bateria 12 mais uma vez tivemos 2 brasileiros, desta vez a briga foi entre Luel Felipe e João Chianca pela segunda colocação, apesar de Luel ter a segunda maior nota da bateria, não teve uma boa segunda nota, João Chianca foi mais constante e na soma das duas ondas avançou, foi uma bateria muito legal de assistir, teve fortes manobras e grandes arcos de todos os competidores.

Wesley Dantas se apresentou na última bateria do dia a de número 16 e avançou, conseguiu fazer fortes manobras nas grandes direitas, colocando muita pressão em suas batidas, ficou com a segunda colocação na bateria e continua na competição

 

No round 3 teremos a estreia de 9 brasileiros são eles Jesse Mendes, Caio Ibelli, Jadson Andre, Willian Cardoso, Miguel Pupo, Deivid Silva, Michael Rodrigues , Gabriel Medina e Yago Dora.

Baterias do Round 3

E a LivreSurf torce para que um de nossos brasileiros seja o grande campeão.

#estamosnatorcida

 

 

 

Etiquetas
Mostrar mais

Eduardo Barrionuevo

Eduardo Barrionuevo é surfista profissional e compete atualmente as etapas do CBSurf. Nascido em Iguape, atualmente ele treina no Guarujá e é um atleta do time da Gangster, entre outros patrocínios. Barrionuevo possui conhecimento profundo do mundo do surf dando uma visão crítica e especializada as notícias do portal . Edu é atleta patrocinado da Gangster, e recebe apoios da Águas Claras Sr. Altino, Botton Fins , D+Sports , Ótica Di Fiori, TH Surfboards e LivreSurf. Contato: eduardo@livresurf.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar