Monoquilha por amor - Flavio Borges

Surf nos dias de hoje em preservação e conscientização.

Como nós surfistas estamos agindo em relação a quantidade de insumos produzidos pelo surf nos dias de hoje.

 

Cada vez mais é notório o aumento de praticantes de surf atualmente, notasse também o aumento de produtos relacionados ao surf em grande escala e produtos voltados ao surf que produzem um menor possível de insumos que agridam ao meio ambiente.

Percebo também um número cada vez maior de pessoas engajadas em tais formais de conscientização, seja ela ambiental. Vivemos a cada instante o consumo desordenado com um consumo excessivo de insumos nos quais se quer de fato necessitaríamos.

Acompanhando essa crescente avalanche de novos praticantes do surf, vejo também muitos deles cada vez mais buscando ter uma relação direta com o esporte ou o estilo de vida que o surf nos proporciona, por esse ângulo percebo também que essas pessoas que estão cada vez mais em busca desse estilo de vida, vem junto com elas a procura por produtos, insumos cada vez mais ecologicamente corretos.

Por outro lado, tenho percebido o quanto surfistas, adeptos e profissionais voltados ao mundo do surf mais antigos, estão fora de uma realidade global onde de fato precisamos estar conectados com nosso planeta e com nossos convívios sociais.

Prancha de Equilíbrio

Oque mais me espanta é a forma que muitas dessas pessoas, hoje estão bem financeiramente em suas profissões, onde foram totalmente moldadas ao mundo do surf. Fico ainda mais intrigado em relação a essa conexão que foi perdida em algum momento da vida ou que realmente nunca fez parte.

A nossa conexão com o mar e as ondas esta diretamente ligado a natureza e sua existência. Quando compramos um produto de uma determinada marca e de fato sabemos que ela não está nem um pouco preocupado com o meio ambiente e mesmo sabendo disso, iremos lá e as compramos e usamos, de certa forma estamos contribuindo cada vez mais para essa devastação que estamos vivendo nos dias de hoje.

Lembrando a todos que eu me coloco nesse cenário, onde venho buscando cada vez mais ter essa consciência na pratica, que de fato não é tarefa fácil, mas que lá no futuro saberemos que valeu a pena.

Quando parei para escrever esse texto, era apenas para que possamos parar um instante em algum momento, mesmo que seja nessa leitura rápida sobre oque estamos vivendo atráves do surf em relação ao ambiente que vivemos “Natureza”

“A nossa relação com a natureza é uma das formas mais incríveis que um ser humano possa vivenciar”.

Parafina Fuwax

Deslizar sobre as ondas, estar dentro de uma onda “pegar um tubo” deixar o sol bater em nosso rosto, olhando um final de tarde dentro do mar após um dia de surf, se isso não é interação com a natureza, não sei o que seria.

Mas por outro lado como havia dito, venho notado cada vez mais novos iniciantes adeptos e amantes do surf com essa consciência e com esse amor que o surf nos presenteia a cada dia.

Espero que cada vez mais novos, antigos personagens do mundo do surf, tenha mais consciência e lembrança que o surf nos proporciona na REAL, entre nossa integração com a natureza onde vivemos.

Surf é consciência.

MonoQuilha Por Amor

Mostrar mais

Flávio Borges

Flávio Borges é surfista amador há mais de 25 anos no Guarujá, onde teve algumas atuações em competições amadoras de pranchinha. Após o ano 2000, apaixonou-se pelo long board, desde então é amante do surf clássico. Atuou com projetos sociais na cidade de Guarujá através do surf inclusivo, voltado a crianças em situação de vulnerabilidade social. Hoje atua com sua coluna no portal LivreSurf MonoQuilha Por Amor trazendo noticias voltadas ao mundo do loggers. Professor de surf e amante das ondas Além disso escreve sobre Paixão por Surf / Comidas / Viagens / Arte

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar