NotíciasNotícias QS6000 - QS10000

Samuel Pupo, Alex Ribeiro e Yago Dora estão no round 5

Round 5 terá disputa entre brasileiros

Três brasileiros seguem na disputa do título do último QS 10.000, antes daquelas que são as finais do WSL Qualifying Series na Tríplice Coroa Havaiana.

Atualmente o Brasil está muito bem no ranking do QS, mas as etapas havaianas sempre podem trazer surpresas.

Vale citar que no próximo ano, o modelo dos QS vai mudar, se quiser ler sobre isso, clique aqui.

Samuel Pupo
Samuel Pupo

Samuel Pupo, Alex Ribeiro e Yago Dora estão no round 05

O Brasil já venceu as três etapas com o status máximo, os famosos QS 10.000 deste ano e tenta manter essa hegemonia no EDP Billabong Pro Ericeira e com show de surf nossos brasileiros Samuel Pupo, Alex Ribeiro e Yago Dora estão avançando para o round 05.

Samuel Pupo
Samuel Pupo

O dia de hoje começou com a sexta bateria bateria do round 3 e Samuel Pupo avançou com boas onda na primeira colocação. Patrick Gudauskas avançou em segundo, assim eliminando o brasileiro Lucas Silveira na terceira colocação e o sul africano Dylan Lightfoot na quarta colocação.

Deck John John Florence

Em seguida o Brasileiros Peterson Crisanto foi eliminado na bateria 7 com a terceira colocação e Ian Gouveia na quarta colocação na bateria 8.

A bateria 9 contou com uma excelente participação do nosso brasileiro Alejo Muniz que avançou em primeiro a disputa, com um surf forte, utilizando bastante a borda da prancha em sua manobras.

Alex Ribeiro
Alex Ribeiro

Alex Ribeiro foi o grande destaque do dia de hoje, na bateria 10 avançou na primeira colocação com a maior nota do evento, como podem ver nesta matéria que escrevemos assim que a bateria terminou, clique aqui.

Yago Dora avançou em segundo, eliminando assim o francês Jorgann Couzinet e o peruano Miguel Tudela.

Round 4

Miguel Pupo que vinha detonando durante todo evento, hoje na bateria 2 do round 4, não conseguiu boas ondas e foi superado pelos australiano Jacob Willcox e Ethan Ewing

Enquanto Miguel Pupo foi eliminado, seu irmão mais novo Samuel Pupo detonou na bateria 4 com manobras fortes e inovadoras, desta forma, avançou em grande estilo na primeira colocação, deixando Matthew McGillivray em segundo, assim eliminando Nat Young da disputa

Disse Samuel Pupo, após sua vitória:

“Conversei com meu irmão e decidi mudar de prancha para está bateria”, explicou.

“A prancha que tive esta manhã foi perfeita para o tipo de ondas da maré baixa . Esta que usei agora foi uma 6’0 feita pelo meu pai e é perfeita para ondas mais longas com muito espaço. A troca fez toda diferença”

Patrick Gudauskas e Ian Crane fizeram uma bateria totalmente norte americana, mas apenas de dois surfistas onde se esperavam 3, isso aconteceu já que o número 24 do mundo, Joan Duru optou por se retirar da competição após se machucar.

O francês João Duru postou em seu Instagram que prefere ir se tratar em casa para estar bem no Quiksilver Pro France na próxima semana:

Post de Joan Duru:

Na bateria 6 nosso brasileiro Alejo Muniz acabou eliminado, liderou a bateria até os minutos finais, quando parecia já ter avançando, veio uma série onde o português Frederico Morais e Connor O’Leary conseguiram mandar boas manobras e fazer a virada.

Alejo Muniz
Alejo Muniz

Na bateria 7 do round 4, Alex Ribeiro avançou na segunda colocação, eliminando o australiano Caleb Tancred para chegar no quinto round da competição. Yago Dora se apresentou na bateria seguinte e última do dia, conseguiu fazer grandes manobras e avançar na primeira colocação.

Yago Dora
Yago Dora

Os surfistas estarão de volta às 8 da manhã com a bateria 5 do round 4, com nosso brasileiro Samuel Pupo que vai enfrentar o americano Ian Crane.

A última bateria do round 5 será 100% brasileira entre Alex Ribeiro e Yago Dora.

E a LivreSurf torce para que um de nossos brasileiros seja o grande campeão.

#estamosnatorcida.

 

Etiquetas
Mostrar mais

Eduardo Barrionuevo

Eduardo Barrionuevo é surfista profissional e compete atualmente as etapas do CBSurf. Nascido em Iguape, atualmente ele treina no Guarujá e é um atleta do time da Gangster, entre outros patrocínios. Barrionuevo possui conhecimento profundo do mundo do surf dando uma visão crítica e especializada as notícias do portal . Edu é atleta patrocinado da Gangster, e recebe apoios da Águas Claras Sr. Altino, Botton Fins , D+Sports , Ótica Di Fiori, TH Surfboards e LivreSurf. Contato: eduardo@livresurf.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar