EntrevistasMonoquilha por amor - Flavio Borges

Mestre Neco Carbone

Mais conhecido como o mestre dos shapes, Neco Carbone e sua história inspiradora

Ìcone nacional Neco Carbone, dispensa apresentações com mais de 50 anos de muitas ondas e mais de 24 mil pranchas produzidas pelas próprias mãos.

Nascido em São Paulo, Neco Carbone foi para o Guarujá, litoral de São Paulo com apenas um ano, onde vive até hoje shapeando por quase 40 anos.

Hoje é consagrado pelo seu trabalho e estilo clássico de shapear da forma Hand Made ( feito pela sua mão).

Neco Carbone começou a surfar em 1970 após sua iniciação ao surf, através da planonda ( pequena prancha de isopor) e claro como todos nós surfistas o jacaré (BodySurf).

Seu primeiro campeonato foi em 1971( 12 anos), onde ficou com a terceira colocação na categoria júnior, na época Neco surfava de shortboard (pranchinha).

Deck John John Florence

Neco Carbone foi integrante do Teen Surf do lendário Johnny Rice, nessa ocasião Neco começou a trabalhar com Johnny em sua fábrica, onde aprendeu a fazer quilhas com resina e madeira e alguns reparos nas pranchas, até chegar a fazer as laminações.

A fábrica de Johnny Rice nessa época era localizada entre as praias do Tombo e Astúrias, lembra Neco.

No final dos anos 70, começou a trabalhar na fábrica de pranchas do Thyola, onde consertava e fazia quilhas, onde mais tarde iniciou seu trabalho como shaper.

Nos anos 80 participou do renascimento dos Longboards, através do evento organizado pelo mestre das Wax Fuad Mansur.

Na sua bagagem Neco Carbone carrega, campeão brasileiro amador em 1989 e paulista 1990.

Sua performance clássica e fluida fez com que na época a Abrasa o convidasse a participar do Mundial da ISA em 1990, onde o time Brasil trouxe a medalha de bronze.

Já no início dos anos 80, Neco venceu o Wagon LongBoard Classic, tendo como premiação uma passagem para a França, onde representaria o Brasil na etapa do Mundial da ASP, Rip Curl Pro, realizado em Hossegor.

Nessa passagem pelo Rip Curl Pro, Neco lembra que tinha altas ondas, onde todos os adversários estavam surfando na beira, conta que assim que viu uma pausa nas ondas, conseguiu varar a rebentação e sendo assim o único a pegar uma onda lá fora, dessa forma passando sua bateria.

Neco é considerado por todos pelo seu estilo clássico e fluido como um dos maiores surfistas de long do Brasil, que por sua vez infuencia até nos dias de hoje muitas gerações.

Durante a I Mostra de Arte e Cultura Surf, onde foi feita uma enquete deixando Neco Carbone como o melhor shaper de longboard do Brasil, ficando entre os 10 melhores do mundo.

Sua versatilidade entre os shapes, pranchinhas, funboards, guns, standup, pranchas para kitesurf, tow in, fazendo de Neco Carbone o shaper mais versátil entre os shapers brasileros.

Neco dispensa elogios, com sua simplicidade e carisma de quem sabe exatamente o que é ser um amante do surf em sua essência.

Quem quiser saber mais sobre o trabalho Neco Carbone é só acessar seu perfil do instagram @necocarbone ou @cabanadoscarbones.

Essa e outras entrevistas você só encontra no portal livresurf.com.br ou em nosso perfil do instagram @livresurf

 

MonoQuila por Amor…

#estamosnatorcida #longboardsurfing

 

 

 

 

 

Mostrar mais

Flávio Borges

Flávio Borges é surfista amador há mais de 20 anos no Guarujá, onde teve algumas atuações em competições amadoras de pranchinha. Após o ano 2000, apaixonou-se pelo long board, desde então é amante do surf clássico. Atuou com projetos sociais na cidade de Guarujá através do surf inclusivo, voltado a crianças em situação de vulnerabilidade social. Hoje atua com sua coluna no portal LivreSurf: MonoQuilha Por Amor trazendo noticias voltadas ao mundo do loggers. Além disso escreve sobre Paixão por Surf / Comidas / Viagens / Arte

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar