+CampeonatosCampeonatos

Hang Loose Surf Attack está para começar

na Praia de Itamambuca em Ubatuba.

Hang Loose Surf Attack começa nesta segunda-feira, reunindo 206 surfistas com até 18 anos de idade na Praia de Itamambuca em Ubatuba.

Hang Loose Surf Attack está para começar

O The Surf Clube SCCP apresenta Hang Loose Surf Attack começa nesta segunda-feira (16) na Praia de Itamambuca, em Ubatuba, reunindo 206 surfistas com até 18 anos de idade. O mais tradicional campeonato de base do País segue até quarta-feira, com duas finais por dia. Atletas de todo o litoral paulista e também de outros oito estados estarão na disputa, patrocinada pela Hang Loose nos últimos 26 anos.

Todo o evento terá transmissão ao vivo pelo site da Federação Paulista de Surf, no link fpsurf.com.br/eventos/20/hla/hla01/news/aovivo1.php, onde estão disponíveis todas as baterias e o cronograma completo. A categoria sub12 abre as disputas, às 8 horas, e também entram no mar a sub10 e a feminina sub16, as duas já definindo os campeões na segunda-feira. Entre os caçulas, dos 26 participantes, sete são meninas, mostrando que o público feminino vem crescendo.

Na feminina, o grande nome é Sophia Medina, primeira campeã do Hang Loose Surf Attack, em 2018. A irmã do bicampeão mundial Gabriel Medina chega embalada da sua primeira final na categoria profissional no CBSurf Pro Tour, também em Ubatuba. A principal rival é a campeã do ano passado, sua xará e companheira de treinos na Praia de Maresias, Sophia Gonçalves.

No segundo dia de disputas, a sub12 volta ao mar, fazendo final, junto com a sub14, que também terá decisão na terça-feira, e sub16. O terceiro e último dia do evento terá a sub16 e os mais velhos da sub18. Nos dois dias, Ryan Kainalo é um dos protagonistas, disputando nada menos que três títulos e com chances de alcançar nove conquistas no campeonato.

Prancha de Equilíbrio

Caio Costa é outro nome importante e também vem acumulando comemorações no Hang Loose e no Brasileiro. Competindo em casa aparecem Diego Aguiar e Daniel Adisaka, este defendendo o título sub18. Há, ainda, uma lista mais do que especial de nomes de ponta, como o paranaense Anuar Chiah, o cearense radicado no RJ, Cauã Costa, o potiguar Mateus Sena e os catarinenses Léo Casal e Antonio Vitorino.

Outra atração é a disputa por cidades, com os donos da casa mantendo a rivalidade sadia com São Sebastião. Vale destacar que serão adotados protocolos de segurança devido a pandemia do Covid-19 e todos atletas, pais, técnicos e a comissão técnica devem usar máscara de proteção na área próximo ao palanque.

O The Surf Club SCCP apresenta Hang Loose Surf Attack 2020 tem os patrocínios de Sthill, Departamento de Esportes Radicais do Corinthians e Rhyno Foam. Apoios: Overboard, Surf Trip, Super Tubes e Kyw. Colaboração da Secretaria de Esportes, da Prefeitura Municipal de Ubatuba. Divulgacão: Waves e FMA Notícias. Organização: Federação Paulista de Surf e Associação Ubatuba de Surf (AUS).

#estamosnatorcida

Parafina Fuwax
Etiquetas
Mostrar mais

Eduardo Barrionuevo

Eduardo Barrionuevo é surfista profissional e compete atualmente as etapas do CBSurf. Nascido em Iguape, atualmente ele treina no Guarujá e é um atleta do time da Gangster, entre outros patrocínios. Barrionuevo possui conhecimento profundo do mundo do surf dando uma visão crítica e especializada as notícias do portal . Edu é atleta patrocinado da Gangster, e recebe apoios da Águas Claras Sr. Altino, Botton Fins , D+Sports , Ótica Di Fiori, TH Surfboards e LivreSurf. Contato: eduardo@livresurf.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar