NotíciasNotícias QS1000 - QS3000

Gustavo Borges representou o Brasil no QS1500 da África do Sul

Gustavo fala com LivreSurf para contar sua experiência

Durante nossa análise dos eventos do QS pelo mundo, uma informação nos chamou atenção.

Um jovem surfista brasileiro iria competir na perna africana do QS em Pollock Beach, Port Elizabeth, Africa do Sul, entramos em contato para entender esta ousadia, pois a maioria dos atletas estava no QS da Argentina, crowdeado de brasileiros.

Tratava-se do atleta gaúcho Gustavo Borges, 17 anos, natural do município de Torres/RS que iniciou sua história de competições aos 10 anos com o apoio de seu pais Rômulo e Juliane Borges, e desde então não parou mais.

Já foi destaque no Pampa Barrels, campeonato que destaca o melhor tubo do Rio Grande do Sul.

Esbanjando determinação e coragem, Gustavo Borges teve um ano de 2016 incrível, no qual foi destaque entre os surfistas gaúchos.

Em 2017 disputou WQS na Argentina, Peru, EUA e também no próprio Brasil. O atleta iniciou o ano com uma trip em Fernando de Noronha e finalizou no Hawaii, duas decisões tomadas pelo Guilherme Paz, fundador e presidente da Oric Surfboards.

O ano de 2018 iniciou-se novamente as competições, em um dos campeonatos mais importantes do Surf Mundial, o WQS (World Qualifying Series) no Peru.
No dia 25 de março de 2018, ele embarcou para a África do Sul onde já competiu mais duas etapas do WQS e do PRO JUNIOR.

Questionamos o porquê ele escolheu a África para competir:

Gustavo: A África é um lugar que todo surfista quer conhecer pela qualidade das ondas e comigo não foi diferente. Quando sentamos para definir quais etapas eu iria participar este ano, definimos a perna africana do QS devido a sequência de eventos que aconteceriam, as ondas extensas e fortes que se encaixam melhor com meu estilo de surfe e o custo benefício.

Questionamos também detalhes sobre a participação dele nas competições e sua experiência na África: 

Gustavo: Achei interessante a receptividade do povo local, sempre atencioso e alegre. O clima muito parecido com o sul do Brasil onde eu moro assim como a temperatura da água fez me sentir em casa!

Tivemos alguns contratempos na vinda mas isso faz parte na vida de um surfista e estou sempre pronto para encarar o que for em busca do meu sonho.

Acabei não me saindo bem nesta primeira etapa, mas isso vai servir de motivação para entrar ainda mais focado e determinado a chegar no lugar mais alto do pódio nos eventos que vem pela frente.

E estou muito grato pela oportunidade de estar aqui fazendo o que eu mais amo e representando meu país.

Estrutura do Atleta

Atualmente Gustavo firmou contrato de patrocínio por 5 anos com a Oric Surfboards, marca gaúcha localizada às margens do Rio Guaíba, em Porto Alegre/RS. Na empresa, o atleta obtém toda a estrutura e apoio para alcançar seus objetivos.

Além do patrocínio, Gustavo Borges conta também com o apoio da Welle Fisioterapia e Pilates, no qual são responsáveis pela parte física de Gustavo. Lá ele conta com os conhecimentos de seu preparador físico, Gustavo Leindecker e a parte técnica com Stefano Dornelles e Pedro Gross, que o acompanha em todas as competições.

A bellaqua protetor solar e o psicólogo Cassiano Pires também fazem parte da equipe Gustavo Borges. Quem administra a carreira do atleta é o assessor Coach Esportivo Alexsander Lopes.

Nós da LivreSurf continuaremos acompanhando o atleta e incentivando que ele atinja seu sonho de atingir o lugar mais alto do pódio, afinal #estamosnatorcida !!!

 

Tags
Show More

Rodrigo Morais

Especialista no mercado de tecnologia com 17 anos de experiência, focado em segurança da informação. Surfista amador frequentador das praias da vibrante ilha de Guarujá. Fotógrafo especializado na captação de esportes, especialmente o surf. Contato: rodrigo@livresurf.com.br

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close